Sucesso de cachorro no instagranm faz abrir Loja virtual

Publicado em 29/07/2015 às 11h47

Sucesso de cachorro no Instagram faz dona abrir loja virtual

Apaixonados por animais, Ana Carolina Costa e Leonardo Kilhian decidiram abrir uma loja em homenagem ao cão de estimação

Por Priscila Zuini com Rennan A. Julio - 28/07/2015 - PEGN
 
 
A estilista paulistana Ana Carolina Costa adotou o vira-lata Café em 2012. Como o filhote estava muito doente, ela teve de gastar bastante em consultas, remédios e internações para tratá-lo. Quando ficou melhor, o cãozinho ganhou até o sobrenome Prejuízo.
 

Ana teve então a ideia de criar um perfil no Instagram para o animal e o sucesso nas redes foi grande. Com linguagem informal e em primeira “pessoa”, o @cafeprejuizo já está com 19 mil seguidores no Instagram e 12 mil curtidas na página do Facebook.

Depois de dois anos, Ana e o marido Leonardo Kilhian resolveram aumentar a família Prejuízio e adotaram o Django, vira-lata abandonado em uma ONG de animais. “O Django é bem mais calmo. Ele ajuda a família a controlar o Café”, diz Ana. 

Com os dois pets crescendo mais do que o esperado, foi ficando difícil achar roupas bonitas para os cachorrinhos. Estilista em uma confecção, ela decidiu fabricar os próprios produtos.

A ideia inicial do casal era arrecadar dinheiro para a ONG onde Django foi encontrado. “Mas depois que viram as roupinhas, todo mundo ficou interessado em comprar e decidimos aumentar a produção”, afirma a estilista de 29 anos. Assim nascia a loja Café Prejuízo, um e-commerce que vende roupas e acessórios para cachorros – e pessoas.

Para tirar o projeto do boca a boca, Ana e Leonardo fecharam uma parceria com o Iluria, uma plataforma para empresas de e-commerce.

“Como o meu marido é diretor de arte, ele planejou todo o projeto gráfico do site e eu fiquei responsável por confeccionar as roupas”, diz Ana.

Lançado oficialmente em dezembro de 2014, o e-commerce ainda não fatura o bastante para que os empreendedores larguem os empregos. Mas, Ana brinca que, vendendo até cinco peças por dia, o site já paga as contas dos dois cachorros. Para tentar expandir ainda mais, o casal continua investido nas redes sociais. "Estamos contentes com o resultado, mas queremos crescer mais", afirma.

Enviar comentário

voltar para Maa Weblog

show tsN fwR center|left tsN fwR uppercase fsN|left show fwR fsN uppercase|bnull||image-wrap|login news normalcase c10|fsN fwR c10 normalcase|normalcase c10|news login fwR c10 normalcase|tsN fwR c10 normalcase|fwR normalcase c10|content-inner||